Fratura do úmero proximal/Cabeça do úmero

By dev7.md 2 meses ago
Home  /  Doenças do ombro  /  Fratura do úmero proximal/Cabeça do úmero

As fraturas do úmero proximal são muito comuns, chegando a ser 7% de todas as fraturas. Acomete principalmente mulheres idosas (2x mais comum) e osteoporóticas. É a quarta fratura mais comum do idoso (após fratura do rádio distal, fêmur proximal e coluna).

O seu mecanismo de trauma mais comum é uma queda da própria altura sobre o ombro. Após a queda ocorre muita dor, a movimentação do ombro é diminuída, pode ter estalos ao tentar mexer e aparece equimose (arroxeamento da pele, podendo se estender até o cotovelo/tórax).

O exame inicial a ser realizado é uma radiografia em 3 incidências (frente, perfil e axilar de velpeau). Nas fraturas mais graves é necessário a realização de uma tomografia para melhor programação cirúrgica.

Partes do úmero proximal

O tratamento depende de alguns fatores:

  • Desvio: as fraturas são consideradas desviadas quando tem um afastamento entre as partes > 1cm ou uma angulação > 45 grau. Pode ter variações dependendo da parte acometida e esporte praticado pelo paciente;
  • Idade;
  • Comorbidades:  diabetes, arritmia, hipertensão e outros;
  • Lado acometido: dominante ou não;
  • Nível de atividade (trabalho ou esporte).

Tratamento geral: os pacientes com fratura do úmero proximal deve ser avaliado como um todo. Avaliar as comorbidades (osteoporose, depressão), vícios (alcoolismo e tabagismo), risco de queda e a cooperação do paciente com o tratamento.

Cada caso é um caso e deve ser avaliado cuidadosamente. É importante alinhar as expectativas do paciente com o tratamento conservador ou cirúrgico. O tratamento conservador é realizado com um período de imobilização com tipóia, variando de 4-6 semanas. A fisioterapia pode ser iniciada precocemente, dependendo do desvio e estabilidade da fratura. O fortalecimento geralmente é iniciado após 3 meses.

Opções de tratamento cirúrgico:

  • Âncoras;
  • Parafusos;
  • Placa bloqueada;
  • Haste intramedular;
  • Prótese parcial do ombro;
  • Prótese reversa do ombro.

Após a cirurgia é necessário um período de imobilização com tipóia, variando de 2-6 semanas. A fisioterapia pode ser iniciada precocemente, dependendo da estabilidade da fratura. O fortalecimento geralmente é iniciado após 3 meses.

Infelizmente como em todos os procedimentos cirúrgicos existe um pequeno risco de complicações como: infecção, lesão neurovascular,  problemas de cicatrização da ferida, rigidez do ombro, osteonecrose e risco anestésico.

Cuidados

Os pacientes idosos com fratura do úmero proximal tem risco aumentado de ter novas fraturas, como rádio distal, fêmur proximal e coluna.  Devido a isso é interessante fazer um acompanhamento com o geriatra, avaliar a necessidade de óculos, necessidade de bengala e adotar medidas que diminuem o risco de queda, principalmente em casa.

O que é osteonecrose?

A Osteonecrose é uma complicação devido a gravidade da fratura, chegando a acometer 30% dos casos das fraturas graves. Pode ocorrer após o tratamento conservador ou cirúrgico das fraturas. Os vasos sanguíneos (artérias e veias) ficam muito lesadas e não levam sangue para o osso, que sofre devido a falta de nutrientes.

Geralmente ocorre uma reabsorção óssea causando deformidade na articulação, implantes proeminentes ou soltura dos implantes. Pode ser necessário a cirurgia de retirada dos parafusos/placas ou a revisão para artroplastia.

É possível quebrar a placa após a cirurgia?

Caso ocorram novos traumas como queda ou esforço importante antes da consolidação da fratura é possível entortar ou quebrar a placa. Caso não ocorra a consolidação da fratura em algum momento vai ocorrer a quebra do implante.

É necessário retirar a placa/haste após a fixação da fratura? Geralmente não é necessário. Em alguns casos que tem impacto, implante proeminente ou infecção pode ser necessário retirar os implantes, sendo necessário avaliar individualmente cada caso.

Categories:
  Doenças do ombro, Exames de imagem, Trauma do ombro
this post was shared 0 times
 000